Postagens

Mostrando postagens de outubro, 2012

“Eles não sabem que estou levando a Peste”

“Psicanálise é a Verdade inaceitável e Insuportável” “Eles não sabem que estamos levando a Peste”   Freud (1909) Desde sua criação por Freud a psicanálise é fato um percurso vai encarando a oposição dos indivíduos da sociedade e da sua época; Ainda talvez hoje ainda exista muita oposição ao saber e as técnicas freudianas. Em algumas instituições criou-se uma espécie de dogma em torno da psicanálise, que se serve como prato para dissidência entre os próprios psicanalistas ao longo do percurso.  O próprio Freud quando, ao retraçar, em 1914, a História do Movimento Psicanalítico, apresenta um extenso inventário das resistências à psicanálise. Freud relata que grandes números de seus discípulos iniciais destacaram alguns como: (Adler, Jung, Rank) deixaram de aderir em algum momento às suas teses e fundaram suas próprias teorias. Na verdade, a própria teoria psicanalítica freudiana apresenta os meios para esclarecer quais foram os motivos do repúdio as idéias de Fr

Quero uma Rede sem Conexão

A humanidade que antes parecia ser seu próprio meio para Existir.  Hoje nos aparenta ser seu próprio fim.  Vivemos tempos de distanciamento do desejo, distanciamento do amor e distanciamento do "Outro". Porque assim meu "EU" "sujeita-me" a um viver neuroticamente consumista, somatizado e angustiado. Isso parece que é mais fácil.  Se abrigar no mundo virtual porque lá sou quem "imagino" arrumo milhares de seguidores e não preciso provar nada para ninguém.   "Inclusive para mim mesmo". Embora não sou o que de realmente desejo ser nas redes virtuais e sociais digitais. E para "me re-encontrar ou "surgir-se" num novo nascer ou re-nascer de um "novo sujeito" ou um resgate de minha gênese edipiana, mas isso para desafio para os fortes e não fracos. E mesmo que nesse "nascer, renascer;  Que eu  seja usuário de vez em quando das redes virtuais.  Mas imune, imunizado dessa viciante dependência de c