sexta-feira, 4 de março de 2011

O papel do Psicanalista é intermediar ao “Analisado” sua potencialidade na travessia pela escuta interna na via da associação livre, Liberando-se da situação de vítima, tornando-o agente dos seus processos afetivos, para sua reedição, re-significação e de recomeço.

Em resumo gradativamente se saí
do "Discurso para a Prática de um novo Olhar para Viver a Vida".

Sinto – Busco – Compreendo – Reformulo

Prof. Luiz Mariano